[Mochilão 8] Dia 11: Berlim

Mais um dia de sol e calor na Alemanha ! 25 graus !!! Tô achando ótimo poder sair de bermuda e camiseta, sem precisar levar casaco !

O quarto do albergue:

DSC05253.jpg

Vista da janela:

DSC05254.jpg

Corredor:

DSC05255.jpg

Recepção:

DSC05256.jpg

Frente do prédio:

DSC05258.jpg

Estação de metrô bem do lado:

DSC05259.jpg

Esse albergue (Meininger Prenzlauer Berg) é show de bola ! Meininger é uma rede de albergues com filiais em várias cidades da Europa, e todos eles são ótimos ! Já fiquei nas filiais de Viena e Munique.

Berlim é uma cidade com muitas ciclovias e muita gente usa bicicleta como meio de transporte, não apenas como lazer. Chama a atenção que todos os ciclistas respeitam as leis de trânsito e param nos semáforos como fazem os carros, para os pedestres poderem atravessar. É engraçado que, se o semáforo estiver vermelho para os pedestres, mesmo quando não está passando nenhum carro ou bicicleta, os pedestres aqui não atravessam a rua ! Esperam ficar verde para atravessar.

DSC05260.jpg

DSC05261.jpg

Propaganda da Berliner Pilsen, cerveja feita aqui em Berlim:

DSC05262.jpg

Alexanderplatz:

DSC05263.jpg

Um ônibus de dois andares:

DSC05264.jpg

Mais kebab de almoço, dessa vez no pão árabe (dürüm kebab). Muito bom !

DSC05265.jpg

Um refrigerante alemão (Mezzo Mix) com sabor de laranja:

DSC05266.jpg

Prédio na Alexanderplatz. No 12 andar dele fica a Weekend, a mega boate pra onde fomos no sábado:

DSC05267.jpg

Muitos bares de Berlim colocam mesas na calçada para os clientes aproveitarem os dias de sol e calor. Este aqui, por exemplo, colocou até cadeiras de praia !

DSC05268.jpg

Estacionamento de bicicletas:

DSC05269.jpg

Fomos visitar o Estádio Olímpico dos Jogos de 1936, do outro lado da cidade. Hitler esperava provar a suposta superioridade ariana, mas teve que assistir um grupo de atletas negros norte-americanos faturar grande parte das medalhas do atletismo.

DSC05270.jpg

DSC05275.jpg

DSC05276.jpg

DSC05277.jpg

Currywurst, a linguiça típica de Berlim, com molho de curry:

DSC05282.jpg

Não podia faltar uma cerveja Berliner Kindl !

DSC05283.jpg

Esses quiosques são muito comuns pela cidade, vendendo currywurst e outros tipos de linguiça.

DSC05284.jpg

A Kaiser-Wilhelm-Getächniskirche é uma igreja que foi completamente destruída pelos bombardeios da 2a Guerra. Ela foi mantida parcialmente destruída para servir como um monumento.

A igreja em 1933, antes de ser destruída, e depois, em 1945:

DSC05287.jpg

DSC05288.jpg

No interior da igreja, hoje um museu:

DSC05289.jpg

O Checkpoint Charlie era um dos vários portões de passagem de veículos e pedestres entre Berlim Oriental e Ocidental. Neste checkpoint foram mantidas a guarita e a placa, que viraram atração turística:

DSC05294.jpg

DSC05295.jpg

No local hoje há um interessante museu sobre o Muro de Berlim (Mauer Museum), mostrando as diversas técnicas que os habitantes de Berlim Oriental desenvolveram para tentar escapara para Berlim Ocidental. Muitos passavam em fundos falsos de porta-malas de carros, dentro de malas, ultra-leves e de balão.

Foto do Checkpoint Charlie em 1962, num momento crítico da Guerra Fria, com tanques americanos e soviéticos frente a frente:

DSC05292.jpg

De noite fomos no Mommsem-Eck Haus der 100 Biere, um bar famoso na cidade por servir cervejas do mundo inteiro (100 marcas diferentes !!).

DSC05305.jpg

No cardápio, cervejas de diversas regiões da Alemanha, e países tão diferentes como China, Tailândia, Finlândia e Cuba. Fica até dificil de escolher !

DSC05298.jpg

Comecei com uma Fleinsburger (alemã), depois uma Budweiser Budvar (tcheca) e terminei com uma Satan Red (belga).

DSC05301.jpg

DSC05303.jpg

DSC05304.jpg

Comi um "combinado alemão" com tudo de mais típico que havia: chucrute, salada de batata e diversos tipos de linguiça.

DSC05302.jpg

Nenhum comentário:

Postar um comentário

[Mochilão 15] Dia 23: Quebec - Rio

Último dia da viagem. :-( Mais um dia de sol e temperatura agradável (22 graus). Um dos portões da cidade antiga (Vieux-Quebéc): ...